Rurais X

O amor se esconde no campo
Por entre a folhagem do bosque
Nos caminhos sombreados
Que levam aos descampados
Nos ventos das morrarias
E nos brotos que já nascem
por amor curvados.

Na floração da primavera
Na tempestade estival
Na coloração do outono
E na geada invernal.

O amor se esconde no campo
Nos dias que nascem mais cedo
Mas noites em que a lua dança
Por detrás do arvoredo.

O amor se esconde
Na florada dos dias
Na estiagem de maio
E no silêncio das romarias.

No campo é assim o amor
Delicado e calmo
Escondido
No verde da capoeira
Nas horas da tarde inteira
No canto de um passarinho.

One Reply to “Rurais X”

  1. Parabéns pela volta às letras!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.